Samsung SCB-2000 para Video Astronomia.

Como iniciante na astrofotografia comecei as fazer as primeiras imagens do céu com um pequeno telescópio e uma simples webcam. Com este setup consegui fazer algumas fotos de objetos com grande luminosidade como a Lua e alguns planetas como Júpiter, Marte e Saturno.

Mas com o aumento de interesse pela astrofotografia, isso me levou a pesquisar formas  de fazer fotos de objetos de brilho muito tênue também conhecido como objetos de céu profundo (DSO – Deep Sky Objects), tais como galáxias, nebulosas, aglomerados estelares, etc… Esse tipo de fotografia é a mais complexa de se realizar, pois exige equipamentos bastante caros, muito conhecimento sobre técnicas de fotografia e muita paciência. E além disso tudo, uma das coisas mais importantes e cada vez mais difícil de se conseguir, é necessário um céu com o mínimo de poluição luminosa.

Como o meu objetivo era entrar nessa área, busquei tentar fazer fotos que ficassem no mínimo razoáveis, tentando superar os obstáculos do custo, complexidade, ausência de um céu sem PL e falta de paciência. Encontrei uma alternativa chamada SCB-2000.

A SCB-2000 é uma câmera de segurança da Samsung que possui um sensor muito sensível a luz. É capaz de captar imagem mesmo com 0,00015 lux. E é extremamente barata em relação a equipamentos para astronomia. Encontrei no Mercado Livre a menos de R$ 200,00 reais. Fazendo uma modificação na câmera (retirando o filtro infravermelho) a torna capaz de captar a luz de algumas nebulosas mais brilhantes (mesmo as mais brilhantes são praticamente invisíveis a olho nú, em telescópios de pequeno a médio porte – até 150mm).

Abaixo, uma foto que fiz da nebulosa de Orion.Orion_2014.11.30_001

Como a câmera é analógica e o vídeo é capturado de forma entrelaçada, a imagem foi processada para melhorar as imperfeições e destacar as cores. Mas o que se vê ao vivo é muito próximo da imagem acima.

O setup utilizado foi a SCB-2000 modificada, uma placa de captura de vídeo USB, um adaptador para conectar a câmera ao barril de 1,25 pol, 1 redutor focal de 0,5x 1,25pol, um filtro CLS para poluição luminosa e um telescópio Maksutov-Cassegrain de 127mm numa montagem altazimutal motorizada.

O vídeo foi capturado com o próprio software de captura da placa, foi desentrelaçado no software VirtualDub e editado no Gimp.

Por mais fácil que pareça, ainda é preciso paciência para conseguir o resultado acima. A minha primeira tentativa com quase o mesmo setup, 4 meses antes da foto acima, foi uma catástrofe (veja abaixo).

m42

O que fez diferença foi um melhor alinhamento, o uso do redutor focal, a retirada do filtro infrared da SCB-2000 e a utilização do filtro CLS para a redução de PL.

Então durante 4 meses eu fiz diversas tentativas até conseguir o resultado final. A foto ficou razoável mas a diversão foi muito bacana. E aprendi muito também.

Agora já estou com um outro set de equipamentos, mas a SCB-2000 continua comigo e já tenho uma utilidade pra ela. Já ouviram falar da Bramon?

 

2 pensamentos em “Samsung SCB-2000 para Video Astronomia.

  1. Poxa, cara. Excelente trabalho!
    Conheci esta câmera há cerca de 15 dias, e de lá pra cá venho lendo muito a respeito. Encontrei muita informação, porém, uma divergência em relação a uso de redutor focal ou não. Sou bem leigo em astronomia, mas pelo que vi, o redutor só é indispensável para telescópios de grande distância focal (no caso do seu), já que o mesmo aumenta o campo de visão, coisa crucial em DSO. É isso mesmo?

    O meu é um Newtoniano, Heritage 114mm da SkyWatcher, e vou testar essa câmera por experiência, até um dia conseguir comprar algo melhor.
    Ainda acho um absurdo os acessórios e bons equipamentos da astrofotografia, rs.

    Mas é isso aí.
    Feliz daquele que vê estas belas imagens com os próprios olhos e ainda pode compartilhar com alguém; essa é a parte bacana dessa modalidade.

    Um abraço!
    Vou acompanhar.

    • Henrique,
      Um redutor focal como o que eu utilizei divide a distancia focal do telescópio por 2. O meu telescópio que é um f/12 vira um f/6. Mas esse acessório não é indicado para telescópios como o teu que ja tem uma razão focal por volta de f/5.
      O meu telescópio é mais indicado para observação planetária mas consigo observar alguns DSO com um redutor. Ele até aumenta o campo de visão, mas por limitações de design dos Cassegrains, não consigo mais 1 grau de campo de visão.
      Já o teu telescópio é mais adequado para DSO, naturalmente já tem um campo de visão mais amplo. Caso queira fazer observação planetária, é indicado que utilize um acessório chamado barlow, que aumenta a distância focal.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>